Combates no Sri Lanka matam 26 guerrilheiros e seis soldados

Nos últimos meses, tropas do governo alcançaram grandes avanços e conquistaram várias cidades da guerrilha

Efe,

12 de agosto de 2008 | 04h26

Pelo menos 26 guerrilheiros e seis soldados morreram em combates registrados nas últimas 24 horas na conflituosa região norte do Sri Lanka, informou nesta terça-feira, 12, o Ministério de Defesa cingalês. Os combates ocorreram nos distritos de Kilinochchi, Vavuniya e Welioya, pelos quais discorre a frente de batalha entre o Exército e o grupo armado Tigres de Libertação da Pátria Tâmil (LTTE). Nos últimos meses, as tropas governamentais alcançaram grandes avanços e conquistaram várias cidades até agora sob controle da guerrilha. Embora o Exército reivindique diariamente a morte de dezenas de combatentes inimigos, as informações carecem de comprovação independente.

Tudo o que sabemos sobre:
Sri Lankacombates

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.