Combates sectários deixam 2 mortos no norte do Líbano

Duas pessoas foram mortas e 16 feridas na cidade libanesa de Trípoli, quando confrontos sectários relacionados ao conflito civil na Síria irromperam na cidade do norte libanês no domingo e na segunda-feira. Um oficial da segurança libanesa disse que um homem do bairro de Jabal Mohsen foi morto, após os moradores locais, em grande parte da seita alauita, a mesma do presidente sírio Bashar Assad, entrarem em confronto com vizinhos muçulmanos sunitas. Outra pessoa foi morta no bairro de Bab al-Tebbaneh, habitado majoritariamente por muçulmanos sunitas.

AE, Agência Estado

14 Maio 2012 | 17h29

Os combates na cidade libanesa começaram no sábado, quando as forças de segurança detiveram um muçulmano sunita suspeito de atividades terroristas. No total, cinco pessoas, incluído um soldado atingido por um franco-atirador, foram mortas em Trípoli desde o sábado, enquanto 47 ficaram feridas. O governo libanês disse que mais dois soldados ficaram feridos na madrugada desta segunda-feira quando tentavam abrir uma avenida entre os dois bairros.

As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.