Comboio argelino segue para Iraque

Um comboio de caminhões com carrocerias de refrigeradores levando medicamentos da Argélia para o Iraque passou ontem pela Jordânia. O comboio leva também médicos e enfermeiros, liderados pelo ex-ministro argelino da Solidariedade Jamal ben Abbas. "Não temos medo dos bombardeios", disse Ben Abbas, antes de cruzar a fronteira com o Iraque. "Sempre estaremos do lado de nossos irmãos árabes, que nos apoiaram quando enfrentamos o colonialismo." Há informações de que esse é apenas o primeiro de uma série de comboios de países árabes com ajuda humanitária para o Iraque.Veja o especial :

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.