Comércio dos EUA com a Rússia tem expansão em março

As exportações de bens norte-americanos para a Rússia tiveram alta de 9% em março, ante o mês anterior, apesar da elevação das tensões entre os dois países devido à crise na Ucrânia. O resultado diz respeito a números não ajustados sazonalmente do relatório de comércio internacional do Departamento do Comércio dos EUA.

AE, Agência Estado

06 Maio 2014 | 12h53

As importações da Rússia para os EUA subiram 35% em março ante fevereiro, mais forte do que o avanço mensal de 25% observado no mesmo mês do ano passado. Março de 2014 foi o mesmo mês em que a Rússia anexou a Crimeia.

Ao longo dos três primeiros meses do ano, as exportações dos EUA para a Rússia aumentaram 6% e as importações provenientes do país caíram 3%.

Números mensais das trocas comerciais com países individuais podem ser extremamente voláteis e nem sempre são representativos das condições econômicas e geopolíticas atuais. Ainda assim, os desenvolvimentos comerciais de março entre EUA e Rússia ficaram mais em linha com as tendências mundiais do que uma disputa entre os parceiros comerciais. Fonte: Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
Eua rússia comércio crise ucrânia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.