Comitê iraquiano sugere que resolução da ONU seja rejeitada

O Iraque deveria rejeitar a nova resolução da ONU sobre inspeções de armas no país, sugeriu hoje o presidente do Comitê de Relações Exteriores do Parlamento. "O comitê aconselha... a rejeição da Resolução 1441 do Conselho de Segurança e não concorda com ela, em resposta à opinião de nosso povo, que confia em nós", disse Salim al-Koubaisi ao parlamentares. A sugestão, entretanto, não significa que o governo do Iraque rejeitará, obrigatoriamente, a resolução da ONU.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.