Companhia aérea do Congo diz que maioria sobreviveu a acidente

A companhia aérea congolesa Hewa Boradisse que a maioria dos 79 passageiros a bordo do avião quecaiu nesta terça-feira numa área comercial da cidade de Gomasobreviveu ao acidente. "Nós conseguimos salvar a maioria dos passageiros, que foilevada a hospitais", afirmou à Reuters Dirk Cramers, diretor daempresa. Ele disse que todos os sete membros da tripulaçãotambém sobreviveram. Julien Paluku, governador de North Kivu, declarou à Reutersque 19 corpos tinham sido recuperados até agora e 76 feridosestavam sendo cuidados em hospitais locais."O avião caiu em um distrito populoso", disse Paluku,acrescentado que as equipes de resgate ainda trabalhavam. Testemunhas e autoridades disseram mais cedo que mais de 70pessoas tinham morrido, quando o avião McDonnell Douglas DC-9se chocou contra o bairro comercial. (Reportagem de Lubunga Bya'Ombe)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.