Compaore se refugia na Costa do Marfim

A Costa do Marfim disse que recebeu o ex-presidente de Burkina Faso Blaise Compaore, após manifestações provocarem sua renúncia.

Estadão Conteúdo

01 de novembro de 2014 | 12h26

Em um comunicado, neste sábado, o gabinete do presidente da Costa do Marfim, Alassane Ouattara, disse que o país abrigou Compaore, sua família e pessoas próximas a ele, sem fornecer mais detalhes.

Segundo o comunicado, Ouattara estava acompanhando os eventos em Burkina Faso "com particular atenção". Compaore renunciou na sexta-feira (31), depois de manifestantes invadirem o Parlamento e incendiarem o edifício. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Burkina FasoEx-Presidente

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.