Concorde da Air France decola rumo a Nova York e à história

Às 10h37 da manhã desta sexta-feira, o Concorde da Air France decolou do aeroporto Charles de Gaulle, em Paris, para seu último vôo comercial. Por 27 anos o avião comercial mais rápido do mundo - o único a voar a uma velocidade maior que a do som - cobriu várias rotas; na década de 80, fazia uma linha da Air France entre Paris e Rio de Janeiro.No último vôo, por ? 8.726 (ida e volta), os passageiros do Concorde viajaram entre Paris e Nova York em três horas e 45 minutos.A British Airways, única outra empresa a contar com o Concorde (avião desenvolvido conjuntamente por França e Reino Unido) continuará a usar o supersônico até outubro. A partir de então, a aposentadoria do modelo será definitiva.Veja algumas histórias do supersônico nos links abaixo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.