Condenado assassino em série de Phoenix

O porteiro Dale Hausner foi considerado culpado ontem pelo assassinato em série de seis moradores de Phoenix, no Estado do Arizona, cometidos entre 2005 e 2006. A sentença deve ser anunciada nos próximos dias. Os procuradores pedem a pena de morte. Hausner sempre alegou inocência, dizendo-se vítima de uma conspiração.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.