Condenado por corrupção ex-primeiro-ministro da Croácia

O ex-primeiro-ministro da Croácia Ivo Sanader foi condenado por corrupção e sentenciado a dez anos de prisão. Sanader, de 59 anos, foi primeiro-ministro entre 2004 e 2008. Com a condenação, ele se tornou a mais alta autoridade julgada por corrupção no país, que prometeu erradicar o crime uma vez que vai tornar-se membro da União Europeia (UE) em 2013.

AE, Agência Estado

20 de novembro de 2012 | 10h26

Os juízes consideraram Sanader culpado de aceitar um suborno de 10 milhões de euros (US$ 13 milhões) da companhia de petróleo húngara MOL em troca de assegurar a ela os direitos de controle na companhia petrolífera estatal da Croácia INA e de receber 545 mil euros em propina por uma negociação de crédito com o Hypo Alpe Adria Group, que deu ao banco austríaco uma posição de liderança na Croácia. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
CroáciaSanadercorrupção

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.