Conferência de paz da Síria não vai ocorrer em junho

Diplomata russo diz que oposição síria não definiu quem participaria do encontro

O Estado de S. Paulo,

05 Junho 2013 | 12h34

MOSCOU - A conferência de paz para negociar um fim para o derramamento de sangue na Síria que estava sendo organizada por Rússia e Estados Unidos não será realizada em junho porque a oposição síria ainda não chegou a uma decisão sobre a lista de participantes, afirmou um diplomata russo nesta quarta-feira, 5.

Autoridades russas, americanas e da ONU reunidas em Genebra não conseguiram resolver questões sobre a proposta de negociação de paz, incluindo quem participaria das conversas. "A questão mais difícil é o círculo de participantes na conferência", disse o vice-ministro russo das Relações Exteriores, Gennady Gatilov, segundo a agência de notícias Interfax.

Ele disse que as negociações não serão realizadas em junho, como estava previsto originalmente. "A questão toda é que a oposição síria, ao contrário do governo, ainda não tomou uma decisão fundamental sobre sua participação nesta conferência". Não foi estabelecida uma data para a conferência.

Os EUA e a Rússia anunciaram em 7 de maio que iriam tentar reunir representantes do governo do presidente Bashar Assad e de seus opositores para buscar um fim ao conflito que matou mais de 70 mil pessoas desde março de 2011./ REUTERS e DOW JONES

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.