Confirmada morte do número dois da Al-Qaeda

A morte do médico egípcio Ayman Al-Zawahiri, número dois da rede Al-Qaeda, foi confirmada, nesta quinta-feira, por um dos comandantes afegãos que combatem contra os talebans na região de Tora Bora, segundo reportagem do jornal The New York Times.O comandante Aleem Shah disse que recebeu de um de seus lugar-tenentes, com os quais está em permanente contato através de walkie-talkie, a notícia da morte de Al-Zawahiri durante intenso choque armado nas montanhas de Tora Bora. "Posso confirmar que Al-Zawahari foi morte", disse o comandante."Pelo menos a metade de Tora Bora está sob nosso controle", afirmou Shah ao Times. "As forças da Al-Qaeda estão cercadas e não podem escapar do Paquistão, porque os caminhos estão cobertos de neve."Al-Zawahiri é considerado o "cérebro" da estrutura organizativa da Al-Qaeda, motivo pelo qual sua morte constituiria um duro golpe para a rede terrorista.O Pentágono continua a sustentar que não tem confirmação independente da morte.Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.