Confirmada morte por gripe aviária na Tailândia

A Tailândia confirmou nesta terça-feira que uma mulher que morreu em meados do mês foi vítima da gripe aviária, convertendo-se na décima pessoa a morrer da doença neste ano no país. A mulher, de 26 anos, identificada como Pranee Thongchan, morreu em 20 de setembro. Sua filha de 11 anos, Sakuntala, havia morrido no dia 12 do mesmo mês, também em consequência da gripe. A irmã de Pranee, Pranom, de 32 anos, foi confirmada na segunda-feira como também vítima do vírus H5N1, e atualmente está hospitalizada. Sakuntala morava na província de Kamphaenphet, ao norte, onde tinha contato com galinhas. Porém, Pranee vivia nos arredores de Bangcoc. Não se acredita que ela tenha estado com as aves, levando a equipe médica a creditar que o contágio foi feito de pessoa para pessoa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.