Conflitos com Al-Qaeda deixam 36 mortos no Iêmen

Novos confrontos com militantes da Al-Qaeda no sul do Iêmen resultaram na morte de 34 pessoas e há suspeitas de que um avião não-tripulado dos Estados Unidos tenha matado dois militantes, informaram oficiais do país neste sábado.

AE, Agência Estado

19 Maio 2012 | 14h47

O ataque norte-americano teria ocorrido na província central de Bayda, matando um militante somali e um iemenita. No início desse ano, a Al-Qaeda tomou por um breve período algumas regiões de Bayda.

Na província de Abyan, no sul do país, o conflito entre soldados iemenitas e a Al-Qaeda deixou 12 soldados mortos e 22 militantes. As informações são da Associated Press

Mais conteúdo sobre:
IÊMENVIOLÊNCIA

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.