Conflitos no Afeganistão deixam ao menos 60 civis mortos

Pelo menos 60 civis morreram durante operações da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) em uma zona de conflitos no sul do Afeganistão, informaram, nesta quinta-feira, funcionários do governo afegão.Um membro da assembléia provincial, Bismala Afganmal, afirmou que entre 80 e 85 civis morreram na quarta-feira, durante enfrentamentos no distrito de Panyuayi, na província de Kandahar. No entanto, as informações sobre a quantidade de mortos ainda continua desencontrada.Outro funcionário, que pediu para não ser identificado com medo de represálias, afirmou que pelo menos 60 pessoas morreram.Entre a noite de quarta-feira e a madrugada desta quinta, a Força Internacional de Assistência en Segurança, da Otan, noticiou que matou 48 guerrilheiros nos conflitos e que apenas havia o registro de apenas quatro civis feridos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.