Confronto deixa 1 morto e 66 feridos após funeral de cristãos no Cairo

Uma pessoa morreu e 66 ficaram feridas durante confrontos ocorridos neste domingo, no centro do Cairo, depois de um funeral em uma catedral copta em memória de quatro cristãos mortos durante violência sectária na sexta-feira, disse a agência de notícias estatal Mena.

Reuters

07 de abril de 2013 | 17h13

A TV estatal mostrou que o embate continuava no local.

Em um dos piores incidentes violentos em meses, quatro cristãos e um muçulmano foram mortos na sexta-feira em El Khusus, ao norte do Cairo.

Novos conflitos eclodiram no domingo, quando centenas de coptas furiosos que participavam do funeral na Catedral de São Marcos espalharam-se pelas ruas da capital, gritando "com o nosso sangue e alma nós vamos nos sacrificar para a cruz".

Depois da missa, com parentes das vítimas, jovens cristãos passaram a atirar pedras nos policiais, disse uma testemunha.

(Reportagem de Ahmed Tolba e Ulf Laessing)

Tudo o que sabemos sobre:
EGITOCONFRONTOMORTE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.