Confronto deixa dez mortos na Turquia

Um confronto entre militares turcos e rebeldes curdos perto da fronteira com o Iraque deixou quatro soldados e cinco rebeldes mortos, informou hoje o Exército da Turquia. Já os rebeldes afirmaram que derrubaram um helicóptero turco. Outro soldado teria sido morto e 15 soldados feridos no acidente com o helicóptero, segundo a versão do Exército turco, divulgada em um comunicado na internet.Os quatro soldados foram mortos ontem, quando rebeldes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) abriram fogo contra eles após uma explosão na província de Hakkari, segundo o comunicado. Hakkari é onde as fronteiras da Turquia, do Iraque e do Irã se encontram. Os militarem também afirmaram que cinco rebeldes do PKK foram mortos em dois confrontos separados em Hakkari e na província vizinha de Sirnak, também fronteiriça com o Iraque.Os militares afirmaram que o helicóptero sofreu um problema técnico, enquanto tentava impedir a fuga dos rebeldes no confronto em Hakkari. Um porta-voz do PKK afirmou, porém, que os rebeldes foram responsáveis pela queda da aeronave.O PKK é considerado uma organização terrorista pelos Estados Unidos e pela União Européia. O grupo luta por autonomia no sudeste de Turquia desde 1984. Dezenas de milhares de pessoas já morreram por causa desses confrontos. A Turquia lançou vários ataques aéreos que cruzaram a fronteira, em alvos no norte iraquiano. Os rebeldes curdos ampliaram os ataques contra as forças de segurança turcas nos últimos meses.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.