Confronto entre exército e rebeldes deixa 25 mortos no Sri Lanka

Pelo menos seis soldados do exército cingalês e quase vinte rebeldes tâmeis morreram nesta segunda-feira em confrontos no distrito de Trincomalee, no leste do Sri Lanka, informaram fontes militares.Os confrontos começaram nesta manhã de segunda, quando as tropas cingalesas cercaram a represa de Mawil Aru, localizada em território controlado pelos rebeldes Tigres de Libertação da Pátria Tâmil (LTTE), mas que cobre também territórios do governo.Há seis dias os rebeldes e o governo mantêm intensos combates na área, já que o LTTE bloqueou a represa e cortou o fornecimento de água para os territórios governamentais, o que criou uma crise humanitária na região, segundo o governo cingalês.O exército bombardeou a região por ar e exigiu a abertura da represa para resolver a crise humanitária, mas o LTTE impôs oito condições, entre elas uma trégua imediata, para abrir a represa. Nesta segunda, as tropas já tinham cercado a represa quando o LTTE atacou os soldados.Além disso, as Forças Aéreas cingalesas bombardearam de novo as instalações do LTTE no leste da ilha, mas, devido à forte resistência da guerrilha, as tropas tiveram que recuar dois quilômetros, segundo as fontes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.