Confronto entre polícia e exército deixa 11 mortos na Colômbia

Pelo menos 11 pessoas morreram em um confronto "travado por engano" entre uma patrulha da polícia colombiana e uma do exército em uma zona rural do município de Jamundí, na região sudoeste do país, informaram fontes oficiais.O ministro da Defesa, Camilo Ospina, disse à imprensa que "foram dez policiais e um civil as vítimas" do enfrentamento.Porta-vozes militares da III Brigada de Cali declararam que tropas dessa unidade enfrentaram "por engano" uma da Polícia Judicial e de Investigação em Potrerito, zona rural de Jamundí, cerca de 450 quilômetros ao sudoeste da capital colombiana.As duas patrulhas abriram fogo "ao se avistarem na mesma zona, embora realizassem operações diferentes", acrescentaram as fontes.O ministro Ospina anunciou em Bogotá o envio ao local de uma comissão de alto nível para estabelecer as causas da tragédia.Ospina detalhou que os generais Mario Montoya e Jorge Daniel Castro, comandantes do exército e da polícia, respectivamente, irão comandar a comissão.Nos últimos anos, foram registrados vários episódios de "fogo amigo" entre instituições armadas colombianas, com um elevado saldo de vítimas fatais e de feridos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.