Confronto na fronteira Índia-Paquistão deixa 5 civis mortos

Índia e Paquistão trocaram tiros e lançamentos de morteiros ao longo da disputada fronteira nesta quinta-feira, matando cinco civis e ferindo mais de uma dúzia, informou o governo paquistanês, dias após os líderes dos rivais nucleares aceitarem realizar conversas de alto nível.

KATHARINE HOURELD, REUTERS

16 de julho de 2015 | 07h28

Cinco cidadãos paquistaneses foram mortos "por conta dos tiros indianos sem provocação", informou o Exército paquistanês em comunicado sobre os confrontos na fronteira da disputada região da Caxemira.

A Índia informou que uma mulher em seu lado da fronteira foi morta por tiros paquistaneses no dia anterior.

A Índia, de maioria hindu, e o Paquistão, muçulmano, travaram três guerras desde que se tornarem nações separadas em 1947, duas delas por conta da Caxemira, que ambos reivindicam.

Soldados ao longo da fronteira fortemente militarizada trocaram tiros regularmente por décadas, mas confrontos se tornaram menos frequentes após um cessar-fogo na Caxemira em 2003.

Tudo o que sabemos sobre:
INDIAPAQUISTAO5MORTOS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.