Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Confrontos deixam 4 feridos e um morto na Bolívia

Quatro pessoas ficaram feridas e uma morreu durante um confronto entre a colonos e mineiros em um povoado rural da Bolívia. Os feridos se recuperavam hoje em um centro médico da capital, La Paz, dentre eles um menor de idade que está em estado grave. "O ferido de maior gravidade é o menor de 14 anos, que tem ferimentos no tórax", disse o médico Oscar Romero, em declarações à imprensa nesta terça-feira. Os ferimentos foram causados por arma de fogo durante o conflito que ocorreu no domingo na localidade de Cocamillupaya, cerca de 70 quilômetros de La Paz. Não foi divulgada a identidade das vítimas. O comandante da polícia do Departamento, coronel Edgar Revilla, afirmou que tanto os colonos quanto os mineiros estavam "em estado de embriaguez" e armados, razão pela qual não foi possível a entrada de um contingente policial. O advogado dos feridos, Gonzalo Aranda, disse que os colonos foram até a mina de Lipichi, próxima ao povoado armados com chicotes e foram recebidos a bala pelos mineiros. "Os colonos queriam reclamar das diversas agressões que ocorreram desde o último mês. Eles entraram e foram surpreendidos com os disparos", explicou ele. Revilla lembrou que não é a primeira vez que há enfrentamentos nessa comunidade. Em 2006, o mesmo problema resultou na morte de um policial.

AE-AP, Agencia Estado

10 de março de 2009 | 15h59

Tudo o que sabemos sobre:
Bolíviaconfrontos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.