Confrontos entre xiitas e sunitas deixam 11 mortos

Pelo menos 11 pessoas morreram e outras 78 ficaram feridas em enfrentamentos entre muçulmanos sunitas e xiitas na localidade de Parachanar, uma zona tribal no noroeste do Paquistão, informou neste sábado, 7, uma fonte policial.Os choques sectários começaram nesta sexta-feira, 6, depois que vários homens não identificados abriram fogo contra um grupo de xiitas perto de uma mesquita de Parachanar, cerca de 250 quilômetros ao sudoeste de Peshawar, capital da região de Fronteira Noroeste.Por causa dos enfrentamentos, as forças de segurança foram mobilizadas na zona e impuseram o toque de recolher em uma tentativa de restabelecer a ordem, enquanto representantes religiosos de ambas as partes negociam o fim da violência, segundo a Polícia.Além disso, um helicóptero do Exército paquistanês sobrevoa o lugar para impedir a entrada em Parachanar de mais homens de localidades vizinhas com a intenção de participar dos choques, enquanto tropas das Forças Armadas chegam à zona para manter a paz.A violência sectária é freqüente no Paquistão, onde os xiitas são uma minoria que representa cerca de 20% dos cerca de 145 milhões de habitantes do país.Milhares de pessoas, na maioria xiitas, morreram na última década por causa dos enfrentamentos religiosos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.