Confrontos no Sri Lanka matam 30, diz Exército

Jatos da força aérea do Sri Lanka atacaram um esconderijo dos rebeldes tâmeis no norte do país hoje. Além disso, a infantaria confrontou os insurgentes na região, matando 26 deles. Quatro soldados também morreram na operação, segundo os militares. Os aviões de combate bombardearam o distrito Mullaitivu, onde acredita-se que vivem altos líderes do Exército de Libertação dos Tigres do Tamil Eelan (LTTE). Os militares disseram apenas que "eles atingiram o alvo". Os combates por terra ocorreram nos distritos de Kilinochchi, Vavuniya e Welioya, segundo um porta-voz militar. Os rebeldes do LTTE lutam desde 1983 para criar um Estado independente para a minoria tâmil no Sri Lanka.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.