Congo: Absolvidos 13 acusados de estupros em massa

Treze dos 38 soldados acusados de perpetrar estupros em massa no leste da República Democrática do Congo (RDC) no fim do ano retrasado foram absolvidos por um tribunal local nesta segunda-feira.

AE, Agência Estado

05 Maio 2014 | 17h09

Os juízes congoleses alegaram falta de evidências para condenar um terço dos acusados pelos crimes praticados no extremo leste do país.

Ao mesmo tempo, dois soldados foram condenados a prisão perpétua e os demais réus receberam penas que variam de dez a 20 anos de reclusão.

Pelo menos 135 mulheres e meninas foram violentadas por militares em Minova e povoados próximos em novembro de 2012, segundo a acusação apresentada contra os soldados.

De acordo com testemunhas, soldados do exército congolês passaram dias violentando, assassinando e saqueando a região depois de terem sido derrotados por rebeldes em combate. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Congo estupro RDC massa soldados absolve

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.