Congresso aprova verba para ampliar força no Afeganistão

O Congresso dos EUA aprovou ontem os fundos necessários para o aumento do número de soldados no Afeganistão, apesar do ceticismo entre alguns deputados sobre o curso dos nove anos de guerra. O Senado já aprovou o projeto e ele agora deverá ser assinado pelo presidente Barack Obama antes de virar lei. O projeto prevê US$ 33 bilhões para custear as tropas dos EUA no Afeganistão e Iraque e cerca de US$ 4 bilhões em ajuda externa. Obama aprovou em janeiro o envio de 17 mil soldados adicionais ao Afeganistão, onde já havia 38 mil militares, com o objetivo de conter o aumento da violência dos grupos insurgentes.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.