Conselho de Segurança é que deve decidir, reafirma União Européia

Emma Udwin, a porta-voz do comissário europeu de relações exteriores, Chris Patten, reiterou hoje que os líderes europeus desejam que o Conselho de Segurança seja o "espaço responsável" pela decisão de uma intervenção bélica no Iraque. Emma reagiu à entrevista de ontem à noite do presidente norte-americano George W. Bush, em que ele disse que "agirá contra Saddam, mesmo que outros países não estejam dispostos a apoiar tal ação".Os chefes dos inspetores de armamentos da ONU no Iraque, Hans Blix, e o chefe da Agência Internacional de Energia Atômica, Mohamed El Baradei, apresentam hoje no Conselho de Segurança (CS) das Nações Unidas, em Nova York, o terceiro relatório de avaliação sobre a cooperação iraquiana. Blix apresentará uma lista de 29 questões relativas a armas de extermínio em massa ainda pendentes de solução. Haverá também debate a portas fechadas.Jonathan Fall, porta-voz do presidente da Comissão Européia, Romano Prodi, afirmou que "a reação de Bruxelas dependerá do conteúdo" da apresentação de Blix.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.