Conselho renova mandato de missão da ONU no Afeganistão

Objetivo é fortalecer apoio ao governo local, que enfrenta crescentes atividades insurgentes e terrorismo

Agência Estado e Associated Press,

20 de março de 2008 | 14h30

O Conselho de Segurança das Nações Unidas autorizou nesta quinta-feira, 20, a expansão da missão política da ONU no Afeganistão. O objetivo desta missão, segundo o texto aprovado, é fortalecer o apoio ao governo local, que enfrenta crescentes atividades insurgentes e violência terrorista. A resolução foi aprovada, por unanimidade, pelos 15 membros do conselho. A renovação do mandato por mais um ano dá à missão liderada pelo representante especial da ONU no Afeganistão, o norueguês Kai Eide, responsabilidade para prover "um apoio mais coerente da comunidade internacional ao governo afegão". Além disso, leva as Nações Unidas a "uma presença fortalecida e expandida através do país".

Tudo o que sabemos sobre:
ONUAfeganistão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.