Johan Ordonez / AFP
Johan Ordonez / AFP

Conservador Alejandro Giammattei é eleito presidente da Guatemala

Giammattei venceu o segundo turno das eleições contra a primeira dama Sandra Torres

Redação, O Estado de S.Paulo

12 de agosto de 2019 | 02h36

CIDADE DA GUATEMALA - O conservador Alejandro Giammattei venceu, neste domingo, 11, o segundo turno da eleição para Presidência da Guatemala contra a primeira dama Sandra Torres. Ele assume o cargo no dia 14 de janeiro quando o atual presidente Jimmy Morales deixa o poder.

Com mais de 92,97% das urnas apuradas pelo Tribunal Supremo Eleitoral, o candidato do partido Vamos obteve 59,13% dos votos contra 40,87% de sua adversária, que representa a União Nacional da Esperança.

Mais de 8 milhões de cidadãos estavam aptos a votar neste domingo para escolher quem comandará o país nos próximos quatro anos. A participação ficou em 50%, de acordo com os dados divulgados pelo Tribunal, um número baixo para os padrões do país.

A votação ocorreu com tranquilidade, sem o registro de incidentes. O Tribunal Supremo Eleitoral da Guatemala ainda precisa oficializar os resultados para que Giammattei e seu companheiro de chapa, Guillermo Castillo, sejam confirmados como novos presidente e vice-presidente do país.

"Será uma imensa honra ser presidente deste país que eu tanto amo", disse Giammattei a uma multidão de eleitores em entrevista coletiva na Cidade da Guatemala. “Vamos reconstruir a Guatemala. Não tenho palavras para dizer o quanto sou grato", afirmou o presidente eleito./ EFE e Reuters

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.