Conservador enfrenta ambientalista no 2º turno

O candidato da conservadora Coalizão Nacional, Sauli Niinisto, obteve ontem cerca de 37% dos votos e conseguiu uma considerável vantagem nas eleições presidenciais finlandesas. No entanto, ele não evitou o segundo turno, no dia 5, e terá de enfrentar o líder ambientalista Pekka Haavisto, que obteve 19% dos votos. Haavisto é o primeiro candidato à presidente da Finlândia declaradamente gay.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.