Reprodução / Newsweek
Reprodução / Newsweek

Conta da revista 'Newsweek' é invadida por jihadistas

Durante uma hora, perfil da publicação no Twitter ficou sob o controle dos invasores, que ameaçaram a primeira-dama

O Estado de S. Paulo

10 de fevereiro de 2015 | 16h13


NOVA YORK - Às 10h45 (horário local) desta terça-feira, 10, a conta da revista americana Newsweek no Twiter foi invadida por um grupo autointitulado Cyber Caliphate.

O grupo se diz afiliado ao Estado Islâmico e atacou anteriormente a conta do Comando Central dos Estados Unidos na mesma rede social, além da conta da cantora Taylor Swift.

Segundo reportagem da revista, a conta permaneceu sob controle dos hackers até quase 11 horas, quando técnicos do Twitter retomaram controle do perfil.

Durante a invasão, a página principal da conta exibia na foto de perfil e no banner imagens de um homem mascarado e uma bandeira negra, com a mensagem; "Je su Is Is". (Eu sou EI). A primeira-dama, Michelle Obama, também foi ameaçada.

 

Tudo o que sabemos sobre:
EUANewsweekEstado Islâmico

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.