Contra ataques sírios, soldados dos EUA instalam mísseis na Turquia

Alemanha e Holanda também enviaram militares e mísseis Patriot para fortalecer o sistema de defesa turco

AE, Agência Estado

04 Janeiro 2013 | 16h25

ANCARA - O Exército dos Estados Unidos disse que soldados norte-americanos estão chegando na Turquia para acompanhar a instalação de mísseis Patriot. Alemanha, Holanda e os EUA estão instalando duas baterias de mísseis terra-ar para fortalecer o sistema de defesa da Turquia, aliada da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN), contra possíveis ataques vindos da Síria.

O Comando Europeu dos Estados Unidos disse nesta sexta-feira, 4, que a equipe norte-americana e o equipamento começaram a chegar na base aérea de Incirlik, no sul da Turquia. Cerca de 400 pessoas e equipamentos serão levados por transporte aéreo para o país nos próximos dias, enquanto materiais adicionais alcançarão o local pelo mar mais adiante em janeiro.

Mais de mil soldados das três nações devem ficar na Turquia para operar as baterias de defesa. A OTAN diz que os norte-americanos ficarão em Gaziantep, a 50 quilômetros da Síria.

As informações são da AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.