Coordenador da UE para ebola viajará para África

O recém-indicado coordenador da União Europeia para a crise do Ebola irá trabalhar para o oeste da África, região duramente afetada pela doença, no próximo mês. O novo comissário europeu para Assuntos Humanitários, Christos Stylianides anunciou a viagem nesta segunda-feira.

Estadão Conteúdo

27 de outubro de 2014 | 13h53

Stylianides afirmou que quer aumentar o número de leitos hospitalares disponibilizados pelo bloco para 5 mil. "Em uma hora em que muitos duvidam da efetividade da Europa, não devemos permitir que o medo dite nossas ações", disse o comissário a repórteres. As novas camas, juntas a outros 40 mil trabalhadores de saúde locais e europeus, devem estar em atividade "o quanto antes".

A viagem deve ocorrer provavelmente na segunda semana de novembro, quando vacinas para outras doenças que atingem a região ficarão prontas. Fonte: Dow Jones Newswires.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.