Coreia do Norte começa a injetar combustível no foguete

A Coreia do Norte começou a injetar combustível em um foguete de longo alcance "como nós falamos", disse hoje o chefe do centro de controle de satélites da Coreia do Norte, às vésperas do lançamento condenado pelos países vizinhos e as nações do Ocidente.

DOW JONES, Agência Estado

11 de abril de 2012 | 01h52

"A injeção de combustível será concluída em uma data apropriada", afirmou Paek Chang-ho, chefe do centro de controle de satélites do Comitê Norte-Coreano de Tecnologia Espacial, a um grupo de jornalistas estrangeiros. Ele não quis comentar quando a injeção de combustível seria completada. "E quanto ao momento exato do lançamento, será decidido por meus superiores."

Potências regionais, como Coreia do Sul e Japão, dizem que o lançamento, que deverá ocorrer entre amanhã e segunda-feira, é um teste disfarçado de míssil de longo alcance. A Coreia do Norte alega que está apenas colocando um satélite meteorológico no espaço.

Tudo o que sabemos sobre:
Coreia do Nortefoguetecombustível

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.