AFP PHOTO / SAUL LOEB
AFP PHOTO / SAUL LOEB

Coreia do Norte compara Trump a Hitler e diz que política do americano é ‘nazismo do século 21’

Agência estatal de notícias norte-coreana afirma em editorial que a ideia de ‘EUA em primeiro lugar’ defende a dominação mundial por meios militares e divide os outros em ‘amigos e inimigos’

O Estado de S.Paulo

27 de junho de 2017 | 03h45
Atualizado 27 de junho de 2017 | 08h26

SEUL - A Coreia do Norte comparou o presidente dos EUA, Donald Trump, ao líder nazista Adolf Hitler em um editorial da agência estatal de notícias KCNA. A política do líder americano é uma forma de "nazismo do século 21", afirma o texto ao criticar o slogan "EUA em Primeiro Lugar” de Trump.

"O princípio EUA em primeiro lugar defende a dominação mundial por meios militares, como foi o caso com o conceito de ocupação mundial de Hitler", escreveu a agência norte-coreana. Trump segue "a política ditatorial de Hitler" para dividir os outros em duas categorias, "amigos e inimigos", para justificar a "supressão" destes, completa.

Por meio desta política, Washington não reconhece o direito "à independência e ao desenvolvimento" de outros países, como a Coreia do Norte, conclui o texto.

Na semana passada, Pyongyang qualificou Trump de "psicopata" em um contexto de tensão pela morte do estudante americano Otto Warmbier, repatriado em estado de coma aos EUA depois de passar alguns anos detido em uma prisão norte-coreana.

Recentemente, o presidente americano disse que o regime de Kim Jong-un "está causando tremendos problemas", algo que segundo ele deve ser "abordado provavelmente com rapidez".

Trump receberá em Washington durante dois dias nesta semana o novo presidente sul-coreano, Moon Jae-in. O principal assunto que deve ser abordado no encontro é o programa nuclear e de mísseis da Coreia do Norte. / AFP e EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.