Coreia do Norte leva reformista de volta ao posto de premiê

Pak Pong Ju foi demitido do cargo em 2007 após propor sistema de salários parecido com o norte-americano

Agência Estado

01 de abril de 2013 | 09h13

SEUL - A Coreia do Norte escolheu como novo primeiro-ministro o mesmo homem que foi demitido do cargo em 2007, após propor um sistema de salários parecido com o norte-americano. O anúncio de Pak Pong Ju como novo premiê foi feito nesta segunda-feira, 1, durante uma sessão parlamenta.

A nomeação ocorre após semanas de retórica bélica contra os exercícios militares anuais realizados por Estados Unidos e Coreia do Sul e as sanções impostas pela Organização das Nações Unidas (ONU) contra Pyongyang.

O ressurgimento de Pak no topo do gabinete norte-coreano assinala que ele terá um papel importante na formulação de políticas econômicas. Ele substitui Choe Yong-Rim.

A medida é tomada no momento em que o líder Kim Jong Un pede o fortalecimento do desenvolvimento econômico. A ONU diz que dois terços dos 24 milhões de habitantes do país enfrentam falta de comida regularmente.

Assista ao vídeo da rede Al Jazeera sobre a nomeação e a situação atual na península coreana:

As informações são da Associated Press e da Dow Jones

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.