Coreia do Norte pode voltar a negociar desarmamento

O presidente chinês, Hu Jintao, reuniu-se com o líder norte-coreano, Kim Jong-il, nos últimos dias, informou a emissora estatal China Central Television nesta segunda-feira. Segundo o órgão, o encontro ocorreu na cidade chinesa de Changchun, no nordeste chinês.

AE, Agência Estado

30 de agosto de 2010 | 10h56

Durante o encontro, os dois líderes discutiram a possibilidade de se retomar o diálogo em seis partes sobre o desarmamento nuclear da Coreia do Norte. Segundo a imprensa estatal chinesa, Kim demonstrou sua vontade de que essas negociações sejam retomadas.

A visita não oficial de Kim ocorreu a pedido de Hu e durou cinco dias, informou a emissora estatal. Trata-se da primeira indicação oficial de que o recluso líder visitou a China. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Coreia do Nortedesarmamentonucleaar

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.