Coreia do Norte prende estudante sul-coreano por entrar no país ilegalmente

A Coreia do Norte afirmou que prendeu um estudante da Coreia do Sul por tentar entrar no país ilegalmente. De acordo com a imprensa oficial da Coreia do Norte, o estudante se chama Joo Won-moon, tem 21 anos, e mora nos Estados Unidos. Ele foi preso no final de abril, quando supostamente tentava entrar no país em Dandong, uma cidade na fronteira entre a China e a Coreia do Norte.

Estadão Conteúdo

02 de maio de 2015 | 09h08

Joo teria admitido a tentativa de entrar na Coreia do Norte, uma séria violação da lei. Ele está sendo investigado. Uma porta-voz do Ministério de Unificação, da Coreia do Sul, que é responsável por assuntos relacionados à Coreia do Norte, não confirmou as informações. Cidadãos sul-coreanos precisam da aprovação de seu governo para entrar na Coreia do Norte.

Em março, a Coreia do Sul pediu a liberação de dois cidadãos detidos na Coreia do Norte, negando a acusação do governo de Pyongyang de que seriam espiões. A imprensa oficial da Coreia do Norte afirmou que os dois sul-coreanos, Kim Kuk-gi e Choe Chun-gil, estariam colhendo informações sobre as lideranças de Pyongyang.

Em novembro de 2014, após meses de negociações diplomáticas, a Coreia do Norte soltou dois norte-americanos presos por atos contra o Estado. Kenneth Bae estava preso há mais de dois anos e Matthew Todd Miller havia sido detido em abril. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Coreia do NorteCoreia do Sulprisão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.