Coreia do Norte realiza eleições parlamentares

A Coreia do Norte realiza neste domingo as eleições parlamentares para definir os membros da Assembleia Suprema do Povo. A votação está sendo acompanhada de perto por observadores estrangeiros que buscam sinais de que o presidente Kim Jong-il possa estar preparando um sucessor.As eleições para o Parlamento não passam de formalidade, pois os candidatos são escolhidos a dedo pelo Partido dos Trabalhadores da Coreia e pelo presidente Kim Jong-il, um líder totalitário. As eleições servem para selecionar os 687 deputados da assembleia para um mandato de cinco anos. O Parlamento norte-coreano tem autoridade para escrever leis, eleger o gabinete e negociar o orçamento do governo.A eleição deste domingo deveria ter ocorrido em 5 de agosto do ano passado, quando expirou o mandato de cinco anos dos membros da assembleia. Naquela época, especulava-se que Kim Jong-il havia sofrido um derrame. Mas Kim parece ter se recuperado, disseram funcionários do governo sul-coreano, e tem feito viagens de negócios à fábricas, organizações agrícolas e unidades militares ao redor do país. Ao meio-dia (horário local), a TV estatal norte-coreana e funcionários da agência de notícias do país informaram que a votação ainda estava em andamento, com participação de 71% dos eleitores. As informações são da Dow Jones

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.