Coréia do Sul vai enviar US$ 4 mi a vítimas de tremor na China

Na semana passada, país ofereceu US$ 1 milhão e enviou uma equipe de resgate formada por 41 especialistas

Efe,

20 de maio de 2008 | 05h25

A Coréia do Sul anunciou nesta terça-feira, 20, uma ajuda adicional de 4 milhões para as vítimas do terremoto do dia 12 de maio na província chinesa de Sichuan, informou a agência local Kyodo.   Veja também Após 179h soterrado, homem é resgatado com vida na China Ouça o relato da jornalista Cláudia Trevisan  Terremoto na China: mapa da destruição  Antes e depois da devastação  Vídeo com imagens do terremoto  Vídeo com imagens do resgate  Entenda como acontecem os terremotos    Na semana passada, a Coréia do Sul ofereceu uma ajuda urgente de US$ 1 milhão e enviou uma equipe de resgate formada por 41 especialistas.   O porta-voz do Ministério de Relações Exteriores sul-coreano, Moon Tae-young, afirmou que seu país aceitou o pedido feito pela China e a assistência consistirá na entrega de remédios e outros materiais.   O terremoto de 8 graus que sacudiu no dia 12 de maio o sudoeste da China causou pelo menos 34 mil mortes e deixou cerca de 200 mil feridos.

Tudo o que sabemos sobre:
Chinaterremoto

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.