Coreias cancelam negociações marcadas para 4ª feira

O governo da Coreia do Sul informou que as negociações com a Coreia do Norte, marcadas para quarta-feira, não acontecerão, embora não tenha revelado se elas foram totalmente canceladas.

Agência Estado

11 de junho de 2013 | 08h29

"Não haverá negociações amanhã", afirmou uma porta-voz do Ministério de Unificação sul-coreano sem fornecer mais detalhes.

As conversações, que deveriam durar dois dias, seriam o primeiro encontro de alto nível em Seul em seis anos, o que elevou as expectativas de uma melhora nas relações entre os dois países, marcadas por recentes ameaças de guerra.

Mas na véspera do início do encontro ainda não havia sido decidido quem lideraria cada delegação. Seul quer que as principais autoridades responsáveis pelas relações intercoreanas se reúnam, mas Pyongyang não disse quem enviaria para a reunião.

Caso Pyongyang envie um funcionário de menor escalão, Seul deve tomar atitude semelhante, o que pode prejudicar o objetivo da reunião. Fonte: Associated Press e Dow Jones Newswires.

Mais conteúdo sobre:
Coreiasnegociaçãocancelamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.