Corpo achado em Roma pode ser de transexual brasileiro

A polícia italiana disse acreditar que um corpo encontrado hoje em um incêndio em Roma é do transexual brasileiro Brenda, um dos dois transexuais envolvidos em um escândalo que resultou na queda do ex-governador de Lazio Piero Marrazzo. Os policiais ainda esperam os resultados da autópsia, mas notaram que aparentemente a morte do homem ocorreu por inalação de fumaça. A polícia não sabe se o incêndio foi criminoso.

AE-AP, Agencia Estado

20 Novembro 2009 | 13h45

Quatro policiais foram presos recentemente por supostamente tentar chantagear Marrazzo. O então governador foi encontrado com uma prostituta transexual em julho. Ele acabou renunciando. O escândalo foi encarado como um revés para a esquerda, que faz oposição ao conservador primeiro-ministro Silvio Berlusconi.

Mais conteúdo sobre:
Itália transexual brasileiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.