Corpos de brasileiros mortos estão na capital da Tailândia

Os corpos da brasileira Lys Amayo, de 48 anos, e do filho Gianluca, de 10 anos, já estão em Bangcoc, capital da Tailândia, aguardando a presença de familiares. A informação foi dada hoje pelo ministro Fernando Carvalho Lopes, da embaixada do Brasil, em entrevista à rádio Nacional do Rio.O marido dela, o italiano Antônio D´Ávola, ainda não foi localizado até agora. A filha mais velha de Lys, Taís, de 20 anos, escapou do desastre porque ficou no hotel. A mãe da diplomata, a atriz Tereza Amayo, viajou na terça-feira à noite para a Tailândia para buscar Taís. Lys Amayo era primeira-secretária da embaixada e estava de férias na ilha de Phi Phi.Segundo a Agência Brasil, Fernando Carvalho Lopes disse que não há registros de outros brasileiros desaparecidos na Tailândia. Ele informou que muito procuraram a representação para obter novos passaportes, pois perderam todos os documentos durante a tragédia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.