Corpos de mais quatro mineiros são encontrados na Sibéria

As equipes de resgate encontraram na madrugada deste domingo os corpos dos últimos quatro mineiros soterrados em uma mina de ouro na Sibéria, subindo para 25 o número deoperários mortos desde a quinta-feira, quando ocorreu um incêndio no local.Os efetivos de salvamento encontraram os mineiros mortos em uma profundeza de mais de 300 metros, informou Irina Andrianova, porta-voz do Ministério de Situações de Emergência, citada pela agência "Interfax".Os corpos dos mineiros mortos estão sendo içados pelas equipes de resgate, enquanto os bombeiros tentam apagar os últimos focos do incêndio, que ainda afeta as vigas de madeira que sustentam as galerias.No sábado, oito mineiros puderam ser resgatados com vida após mais de 40 horas sob a terra, enquanto outros 31, dos 64 que se encontravam no interior da mina no momento do incêndio, foram evacuados ou abandonaram na quinta-feira a mina sozinhos.Apesar das condições adversas, com temperaturas de até 35 graus e uma intensa fumaça, centenas de efetivos participaram dos trabalhos de resgate durante mais de 72 horas.A mina Daransun, aberta há mais de um século na região de Chita, limítrofe com China e Mongólia, se encontra a mais de 500 quilômetros da capital regional.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.