Correa e Noboa disputarão segundo turno, afirma pesquisa

O candidato esquerdista Rafael Correa e o magnata da cultura de banana Álvaro Noboa seriam os dois mais votados e disputariam o segundo turno das eleições presidenciais no Equador após a votação do primeiro turno, neste domingo, segundo uma enquete do grupo Relatório Confidencial.Os resultados da pesquisa, revelados apenas a jornalistas estrangeiros, já que no Equador a lei proíbe a sua publicação 20 dias antes das eleições, mostram Correa com 30% dos votos válidos e Noboa com 23%.Atrás deles fica o social-democrata León Roldós, com 19%, seguido pela social-cristã Cynthia Viteri e pelo populista Gilmar Gutiérrez, irmão do deposto presidente Lucio Gutiérrez, ambos com 11%. A enquete também registrou 32% de indecisos.Noboa caiu nas pesquisas quando anunciou que não disputaria as eleições, mas voltou a subir desde que, finalmente, confirmou sua candidatura. Roldós, por sua vez, vem em queda constante.Correa e Roldós receberão o voto da classe média e alta, com um maior nível cultural. Noboa, Viteri e Gutiérrez têm mais votos da população mais pobre e menos culta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.