Correa ganha por 14 pontos, com 97% da apuração no Equador

O virtual presidente eleito do Equador, o esquerdista Rafael Correa, tem uma vantagem de mais de 14 pontos sobre seu rival, o multimilionário Álvaro Noboa, após a apuração de 97,29% das urnas. A apuração, que no domingo e na segunda-feira estava sendo rápida, ficou mais lenta nesta terça-feira. Pela manhã, o total já tinha superado 90%. Mas, durante o dia, subiu apenas 7 pontos. O resultado oficial já garante matematicamente a vitória a Correa. Segundo o site do Tribunal Supremo Eleitoral (TSE), o candidato esquerdista tem 3.442.184 votos (57,04%), 849.545 a mais que seu adversário. Álvaro Noboa ficou com 2.592.639 de votos (42,96%). Os votos em branco são 67.640, e os nulos, 661.827. O TSE prevê anunciar o resultado oficial final nas próximas horas e proclamar o novo presidente eleito nesta quarta-feira.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.