Corrida de touros em Pamplona acaba com feridos leves

Cinco pessoas ficaram feridas hoje, o último dia da Festa de San Fermín, que dura uma semana na cidade espanhola de Pamplona. Não houve feridos graves, apenas cortes nas mãos, nas virilhas e alguns ossos fraturados, disse o doutor Ignacio Yurs, diretor do Hospital de Navarra.Os seis touros selvagens e seis novilhos ficaram juntos, durante boa parte do trajeto, nas últimas oito corridas nas ruas calçadas com pedras irregulares, o que torna mais segura para as pessoas a perseguição feita pelos touros. Alguns dos touros caíram e pilhas de pessoas derrubadas foram formadas em vários pontos durante as corridas, que foram calmas na maioria do trajeto.A última morte em uma corrida de touros em Festa de San Fermín aconteceu em 1995, quando um turista americano de 22 anos, Matthew Tassio, morreu após ter sido perfurado por um chifre. Em 2003, um morador de 63 anos de Pamplona, Fermín Etxeberri, recebeu pisadas de cascos de touro na cabeça e morreu após passar vários meses em coma num hospital local.

AE-AP, Agencia Estado

14 de julho de 2008 | 17h43

Tudo o que sabemos sobre:
EspanhaPamplonatouroscorrida

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.