Corte ucraniana deve decidir hoje sobre nova eleição

Os ucranianos aguardam nesta quinta-feira o pronunciamento da Corte Suprema de Justiça que pode abrir caminho a nova votação nas eleições presidenciais.No entanto, o atual presidente, Leonid Kuchma - cujo governo apoiado pela Rússia parece estar perdendo poder nos 11 dias de disputa com a oposição -, viajou a Moscou para se aconselhar com o presidente Vladimir Putin, informou o serviço de imprensa do Kremlin.A viagem de Kuchma ocorreu quando milhares de partidários do líder da oposição, Viktor Yushchenko, chegavam à Praça da Independência e às ruas da capital, em resposta ao chamado para manter vigília porque a "vitória está próxima". Yushchenko afirma que as eleições foram fraudadas e diz ser o verdadeiro vencedor.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.