Cresce número de britânicos contrários à intervenção no Iraque

A maior parte dos britânicos acham que a presença militar do Reino Unido no Iraque já não tem nenhum sentido e 57% dizem que foi um erro a intervenção nesse país, segundo uma pesquisa publicada hoje no jornal The Daily Telegraph. A pesquisa, realizada pela empresa YouGov para esse jornal, reflete um aumento dos britânicos que rejeitam a intervenção militar no Iraque. Em setembro, outra pesquisa de opinião mostrou que 54% dos britânicos se opunham à ação militar aliada no Iraque. Segundo o jornal, que não informa o número de pessoas indagadas, a população se mostra a favor da retirada das tropas britânicas do Iraque, seja de forma imediata ou em 12 meses. A oposição à intervenção militar aumentou perante o caos nas ruas do Iraque, a extensão do conflito sectário e o fracasso dos aliados para deter a violência e reconstruir o país, segundo o jornal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.