Criminosos tiveram apoio da elite sérvia

Promotores de Belgrado pretendem revelar o envolvimento da elite sérvia com criminosos de guerra como Radovan Karadzic e Ratko Mladic. Segundo os juristas, autoridades da polícia, da Igreja Ortodoxa e do Exército teriam ajudado os procurados pelo tribunal de Haia pelas atrocidades cometidas na Guerra dos Bálcãs a se esconder.

O Estado de S.Paulo

22 de junho de 2012 | 03h03

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.