Cristina Kirchner retoma atividades após faringite

Em nota, a presidência argentina informou que a lider viajará, na quinta-feira, à Província do Chaco, onde participará de atos públicos

O Estado de S. Paulo

21 de outubro de 2014 | 15h22

Buenos Aires - A presidente da Argentina, Cristina Kirchner, retomou sua atividade oficial após sofrer um quadro de faringite, informou a presidência nesta terça-feira, 21, em comunicado.

"A presidente Cristina Kirchner retomou, desde ontem, sua agenda de atividades e, na quinta-feira, 23 de outubro, viajará à Província do Chaco, onde participará de atos públicos", detalhou o documento.

A informação presidencial contradiz o chefe de gabinete, Jorge Capitanich, que horas antes anunciou em entrevista coletiva a suspensão da visita de Cristina a esta província do norte argentino.

A unidade médica presidencial informou na sexta-feira passada que a presidente argentina apresentava um "quadro de faringite" e devia permanecer em repouso durante 48 horas.

Há um ano, a governante, de 61, anos foi submetida a uma cirurgia devido a um hematoma craniano que a manteve afastada da atividade oficial durante um mês. / EFE

Tudo o que sabemos sobre:
ArgentinaCristina Kirchner

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.